As Nações Unidas condena atitude de Israel

22/09/2010 20:39

 O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas acusou as forcas de Israel de violação das leis internacionais quando atacou a flotilha de paz.

Israel usou de “incrível violência” durante o ataque a flotilha que deixou mortos oito ativista turcos e um turco-americano.

As provas mostradas nas Nações Unidas são claras e evidentes e criam as condições para iniciar um processo contra Israel por “assassinato deliberado” e tortura cometida quando as tropas tomaram de assalto a flotilha no ultimo mês de maio.

A resposta militar de Israel foi “traiçoeira e de um nível inaceitável de brutalidade” além de violarem leis internacionais.

Israel tem insistido em dizer que atuou de acordo com as leis internacionais, argumenta que tem o direito de retaliar contra qualquer embarcação que tentar furar o bloqueio estabelecido para Faixa de Gaza. Entretanto, o relatório está programado para ser debatido pelo Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas na próxima segunda-feira, 27 de setembro.

Hamas disse que o relatório mostra que a ocupação de Israel nos territórios palestinos é contra os direitos humanos.

Falando a rede de televisão Al Jazeera, Hamas ainda afirma: "Mais ainda deverá ser feito, o comandante que liderou o ataque deve ser julgado pela Corte Internacional de crimes contra a humanidade".

Para ver a foto clique sobre ela arraste para o lado.

Fonte Al Jazeera

 

Foto utilizada com a permissão da Creative Commons kholkute  © 2011 Todos os direitos reservados.

Crie um site grátis

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!